Quinta-feira, 3 de Maio de 2012

Traduzir Sangue Fresco: uma conversa com Renato Carreira

 

Tínhamos prometido que íamos entrevistar o Renato Carreira e, depois de reunirmos as vossas perguntas e as nossas, aqui estão as respostas sobre o que ele acha dos livros do Sangue Fresco, a história que eles contam, a sua opinião sobre a autora  e se é ou não fã da série de tv.


 

Pergunta:  Já conhecias os livros do Sangue Fresco ou o primeiro contacto que tiveste foi quando os recebeste para os traduzir?
Renato Carreira: Conhecia os livros como material de origem da série de televisão. Quando me propuseram traduzir o primeiro, tinha acabado de ver (ou estava a acabar de ver) a primeira temporada. Andava curioso acerca dos livros e foi o melhor pretexto possível para os ler.

Pergunta: Como é que preparas a tradução: fazes uma leitura primeiro do livro e depois traduzes ou inicias imediatamente a tradução?
RC: Nunca leio os livros antes de começar a tradução. Acho que não se ganha nada e até se pode perder. Quando se lê uma coisa com o propósito de traduzir, é inevitável ir traduzindo mentalmente enquanto lemos e, fazendo uma leitura prévia, esse primeiro contacto não seria aproveitado, mesmo com notas extensas. Quase sempre, aquele primeiro instinto de conversão de palavras e frases é o mais indicado.

Pergunta: Quanto tempo demoras a traduzir um livro da Saga Sangue Fresco, em média?
RC: Mais ou menos um mês e meio.

Pergunta: Qual a parte mais difícil de traduzir Sangue Fresco?
RC: Não há um pormenor que possa apontar como sendo mais difícil. A autora escreve num estilo bastante corrente e sabe o que faz. Os livros escritos por quem sabe escrever nunca são difíceis de traduzir. Podem apresentar desafios, mas isso só enriquece o processo. Difíceis de traduzir são os livros maus.

Pergunta: Tenho curiosidade relativamente à tradução de "fangbanger". É uma palavra exclusiva da saga portanto o que te levou a traduzi-la para vampirófilo? [Na tradução da série para a RTP optaram por papa-vampiros] Deu-te muitas dores de cabeça achar uma tradução que não parecesse ridícula?
RC: Nos livros, os "fangbangers" são apresentados como uma tara sexual malvista pela sociedade. Em português, a maior parte das taras têm nomes compostos com "filia" no fim (pedofilia, zoofilia, necrofilia etc.) e achei que seria adequado, não sendo possível uma tradução direta do termo original. "Papa-vampiros" faz-me pensar em alguém que aprecia vampiros de uma forma mais gastronómica e devem ser um bocado secos de mastigar.

Pergunta: Ainda sobre o vocabulário específico desta saga: A Charlainne Harris é e escreve sobre uma região muito específica dos EUA, nomeadamente o Louisiana, região que tem expressões, dizeres e uma gastronomia muito peculiares. A juntar a esse facto ainda há o vocabulário relacionado com o sobrenatural: vampiros, fadas, lobisomens, metamorfos... Manténs uma espécie de “glossário” de Sangue Fresco, que consultas sempre que é necessário?
RC: Não mantenho e sinto muitas vezes que devia manter. Facilitava-me muito a vida. Quando preciso de recordar um termo recorrente, tenho de ir procurar nos livros anteriores.
 
Pergunta: No processo de tradução consegues te manter emocionalmente afastado da história? É algo completamente profissional ou há momentos em que te vês envolvido com as personagens e emocionas-te com momentos mais tristes ou feliz quando uma personagem está feliz?
RC: Até hoje, não chorei enquanto traduzo um livro, mas já me ri muitas vezes. Durante a tradução, estou também a ler e o envolvimento emocional é o mesmo que sente qualquer leitor. Também há livros que "prendem" o tradutor.

Pergunta: Tu és uma pessoa muito bem humorada, basta ler o Inépcia para perceber isso, e a escrita da Charlaine Harris também o é, com momentos bem cómicos. Quanto desse bom-humor é teu e quanto é o da autora? Ou ambos se fundem para darem origem ao produto que conhecemos?
RC: O humor é dela quase sempre. Só quando há piadas ou trocadilhos impossíveis de transpor para o português é que tenho de tentar arranjar substitutos à altura. Traduzir é rescrever um texto noutra língua, mas é preciso fazê-lo de forma tão fiel ao original que ninguém dê pelo trabalho do tradutor. É um bocado inglório, mas ainda bem que é assim.

Pergunta: Dos livros traduzidos até ao momento, tens algum livro favorito? E personagem?

RC: O primeiro tem sempre aquele encanto especial, mas acho que escolheria o "Clube de Sangue" como preferido. Quanto a personagem, (descontando o Eric que deve ser a personagem preferida de toda a gente) gosto do sarcasmo da Pam e da personalidade assumidamente intragável do Claude.

Pergunta: A saga está a chegar ao fim, o 12º volume está disponível nos EUA desde o dia 1 de Maio e o 13º e último volume será lançado em Maio do próximo ano. Qual destas palavras melhor caracteriza o teu estado de espírito perante esse facto: alívio, saudade, dever cumprido? Estás, como os fãs, curioso por saber o destino da Sookie?
RC: Saudade sim. Dever cumprido espero que também. Alívio não. Tem sido um prazer. E claro que estou curioso, mas não consigo perceber como acabará (o que é muito positivo). Pelo andar da carruagem, parece-me que o destino romântico da Sookie será uma espécie de poligamia sobrenatural muito movimentada.

Pergunta: Acompanhas a série de TV "True Blood"? Se sim, qual a tua opinião sobre ela? Livros vs Série, qual é a tua "versão" favorita?
RC: Acompanho desde o início. Gostei do trabalho do Alan Ball na série "Sete Palmos de Terra" e foi por ele que comecei a ver. É um estilo completamente diferente, mas acho que funciona muito bem. Não consigo escolher entre os livros e a série. Apesar de a adaptação ser muito fiel, conseguiu fazer-se uma coisa com existência independente e com méritos próprios. Por exemplo, sem a série, não teríamos o desenvolvimento de personagens como a Tara e o Lafayette.

Pergunta: Tu também és autor na área do fantástico. Sentes que, ao teres traduzido estes livros e, teres passado tanto tempo com este material, que ganhaste algo com eles? Por outras palavras, sentes que esta autora te ensinou algo? Se sim, o quê?
RC: Quem escreve, é sempre influenciado e enriquecido pelas coisas que lê. Como o tradutor também é leitor e porque a Charlaine Harris é uma autora talentosa e que conheço tão bem, de certeza que aprendi muitas coisas com ela, mesmo que de forma subconsciente.

Pergunta: Falando um pouco sobre a tua obra publicada, o “O Fim Chega Numa Manhã de Nevoeiro” também publicado pela Saída de Emergência, é um policial que acontece em Lisboa, e com traços de fantasia ou sobrenatural. (Disse bem, é isto?) Acima de tudo parece ser um livro divertido. Fala-nos um pouco sobre ele.
RC: Tenta ser divertido e espero que consiga. Não sendo humor como o livro anterior, a minha intenção era fazer uma história com laivos de "pulp" e de filme de série B que integrasse o sobrenatural na realidade portuguesa e, mais especificamente, na cidade de Lisboa. Tem feiticeiros envolvidos numa conspiração, criaturas sobrenaturais variadas, tiros, efeitos especiais, extraterrestres, sexo tórrido, dinossauros, sexo tórrido COM dinossauros... É mentira que tenha isto tudo. Desculpem. Deixei-me levar pela descrição e espalhei-me ao comprido.

 


Obrigada Renato pelas simpáticas e divertidas respostas. Acho que tão depressa não vamos esquecer que "os vampiros devem ser um bocado secos de mastigar" ou de como deve ser "sexo com dinossauros".

Também um grande obrigada ao Rui Pedro e ao Pedro André que contribuiram com as suas perguntas para esta entrevista.

 

Podem descobrir mais sobre o Renato Carreira nos seguintes links:

Renato Carreira
Capítulo Zero
Página de autor no Goodreads
Inépcia
E podem encontrar os seus livros no site da Saída de Emergência: História de Portugal Director´s Cut e O Fim Chega Numa Manhã de Nevoeiro

 


publicado por sangue-fresco às 22:39
link do post | Dê a Sua Dentada | ver Dentadas (1) | favorito
| | Partilhar
Quinta-feira, 19 de Abril de 2012

Vamos entrevistar o Renato Carreira

 

Renato Carreira é o tradutor de todos os livros de Sangue Fresco publicados em Portugal. É também, além de tradutor, autor dos livros "O fim chega numa manhã de nevoeiro" e "História de Portugal - Director's Cut", ambos publicados pela Saída de Emergência.

O Renato aceitou o nosso convite para uma entrevista aqui para o blogue e por isso vamos abrir este tópico para deixarem aqui as vossas questões. Depois escolheremos as mais interessantes e publicaremos a entrevista. 

 

Algumas dicas para quando deixarem as vossas perguntas:

  • Devem colocar as vossas questões sobre o trabalho de tradução ou sobre o seu trabalho de autor
  • Identifiquem-se: Nick ou nome, não sejam anónimos.
  • Perguntas bem-humoradas são mais que bem-vindas!
  • Aceitaremos perguntas até ao dia 23 de Abril, 2ª feira.
Para saberem mais sobre o Renato Carreira, podem visitar estes links:
Renato Carreira
Capítulo Zero
Página de autor no Goodreads
Inépcia

publicado por sangue-fresco às 20:51
link do post | Dê a Sua Dentada | ver Dentadas (5) | favorito
| | Partilhar
Segunda-feira, 7 de Fevereiro de 2011

Laços de Sangue: Algumas críticas

Destaco aqui duas críticas ao Laços de Sangue. Caso tenham um blog e tenham já escrito a vossa, enviem um email para sanguefresco@sapo.pt para destacar o vosso também.

 

In As Leituras do Corvo

Neste livro, o início é um pouco caótico, em grande parte devido aos acontecimentos explosivos que marcaram o livro anterior. Ainda assim, esta fase mais estranha, que parece estar um pouco menos ligada a acontecimentos posteriores no livro, mas que deixa pistas interessantes para um futuro rumo da história em próximos volumes, é importante principalmente porque acrescenta novos detalhes sobre a natureza da própria Sookie. Serve ainda como primeira demonstração de um facto que vai evoluir de forma interessante ao longo do livro: as mudanças que, em parte devido ao elo de sangue, mas não só, se operaram em Eric e na sua relação com a telepata. Ler mais...

 

In As Histórias de Elphaba

Laços de Sangue é um título abundante em significados, podendo ser interpretado de formas distintas e abrindo-nos portas para todo o tipo de ligações, quer sejam familiares ou entre espécies sobrenaturais já nossas conhecidas. Assim nesta narrativa vamos encontrar Sookie em toda a espécie de situações perigosas e emocionantes em que só a nossa protagonista se sabe envolver. Ler mais...


publicado por sangue-fresco às 16:20
link do post | Dê a Sua Dentada | ver Dentadas (2) | favorito
| | Partilhar
Quinta-feira, 27 de Janeiro de 2011

"Laços de Sangue" no top!

Hoje a Saída de Emergência partilhou esta boa notícia:

 

http://twitter.com/#!/SaidaEmergencia/status/30648153036300288

 

E a canochinha_ tirou esta foto no Continente do Colombo:

 

Para quem ainda não comprou os últimos livros, aqui está uma excelente oportunidade para completarem a vossa colecção! A todos os que já compraram, obrigada! E boa leitura!


publicado por sangue-fresco às 21:56
link do post | Dê a Sua Dentada | ver Dentadas (5) | favorito
| | Partilhar
Sábado, 22 de Janeiro de 2011

Laços de Sangue já à venda

 

Desde ontem que já está à venda. Eu já tenho o meu, gostava de saber se já têm o vosso e se já o começaram a ler.


publicado por sangue-fresco às 12:08
link do post | Dê a Sua Dentada | ver Dentadas (30) | favorito
| | Partilhar
Segunda-feira, 10 de Janeiro de 2011

Laços de Sangue: Primeiras páginas

 

A Saída de Emergência já disponibilizou os primeiros capítulos do próximo volume da saga, Laços de Sangue, que sai no próximo dia 21.

 

Podem ler aqui.


publicado por sangue-fresco às 23:02
link do post | Dê a Sua Dentada | ver Dentadas (10) | favorito
| | Partilhar
Quinta-feira, 16 de Dezembro de 2010

Laços de Sangue nas livrarias a 21 Janeiro de 2011

 

Sinopse

Depois do desastre natural do furacão Katrina e do horror criado pelo homem da explosão na cimeira de Vampiros, Sookie Stackhouse vive segura mas atordoada, ansiando que as coisas voltem ao normal. Mas o seu namorado, Quinn, é um dos desaparecidos. E as coisas mudam, quer isso agrade ou não aos lobisomens e aos vampiros do seu canto do Louisiana. Nas batalhas que se seguem, Sookie enfrenta perigo, morte... e, mais uma vez, a traição de alguém que ama. Mesmo que deixe de haver pêlo de lobo no ar e mesmo que o sangue frio dos vampiros deixe de jorrar, o seu mundo não voltará a ser o mesmo...


publicado por sangue-fresco às 12:06
link do post | Dê a Sua Dentada | ver Dentadas (10) | favorito
| | Partilhar
Sábado, 4 de Dezembro de 2010

Laços de Sangue em Janeiro de 2011

 

E aqui está a capa do próximo volume da saga, que se irá chamar "Laços de Sangue", ainda sem sinopse em português ou data de lançamento. Apenas sabemos que será em Janeiro. Portanto, deixem algum dinheiro de parte ou peçam um cheque-prenda para comprarem este volume.

 

E já agora, aqui ficam algumas estatísticas interessantes que a editora me enviou sobre a saga Sangue Fresco em Portugal:

- Desde que foi lançado em Abril de 2009, O primeiro livro "Sangue Fresco" já tem 5 edições e está a esgotar novamente.

- O segundo livro já tem 2 edições e o terceiro também.
- Os últimos como já foram tiragens maiores, ainda não esgotaram. Mas têm chegado aos tops de vendas sempre.

- Este último (Sangue Felino) não chegou ao Top de Vendas mas porque agora no fim do ano há autores muito fortes.

Não me foi dito quanto é que cada edição tinha de tiragem mas acho fantástico já sermos tantos fãs a comprar estes livros em Portugal. Acho que mentalmente posso acrescentar mais umas centenas de fãs que apenas os leram emprestados.

 

Quanto ao "Laços de Sangue" eu estou particularmente contente com a escolha do título. Já tinha falado antes sobre as propriedades do sangue de vampiro e para quem leu o Sangue Felino sabe que houve um acontecimento em particular que vai mudar o relacionamento de Sookie e Eric. E é neste livro que vamos saber mais sobre isso entre outras coisas...

 

Quais as vossas opiniões e expectativas?


publicado por sangue-fresco às 23:52
link do post | Dê a Sua Dentada | ver Dentadas (22) | favorito
| | Partilhar
Email
Follow Me!

pesquisar neste blog

 

Últ. comentários

Olá eu quero muiito compra um frasco de sague de v...
alguem pf tem o 13} em pdf e em port. eu preciso '...
Eu ainda vou a menos de meio dos livros e por isso...
canada goose image zen-o central park
Eu, simplesmente, deixei de criar expectativas com...

Categorias

1 temporada(19)

1 vol. - sangue fresco(13)

10 vol. - segredos de sangue(7)

11 vol. - sangue ardente(3)

12 vol. - sangue impetuoso(2)

2 temporada(31)

2 vol. - dívida de sangue(13)

3 temporada(160)

3 vol. - clube de sangue(14)

4 temporada(154)

4 vol. - sangue oculto(17)

5 temporada(119)

5 vol. - sangue furtivo(6)

6 temporada(46)

6 vol. - traição de sangue(10)

7 temporada(25)

7 vol. - sangue felino(24)

8 vol. - laços de sangue(8)

9 vol. - sangue mortífero(6)

charlaine harris(91)

comic con 2009(4)

comic con 2010(6)

comic con 2011(3)

comic con 2012(6)

comic con 2013(1)

comic con 2014(2)

contos - um toque de sangue(4)

correio(7)

crónicas sf(10)

elenco(84)

fanart(31)

fanfic colaborativa(1)

fãs(83)

guia(2)

merchandising(7)

mini-episódios(13)

mov(6)

notícias(134)

opinião(31)

passatempo(62)

personagem(10)

prémios(8)

promoção(4)

rtp1(6)

s05e01(2)

sábado fangtástico(18)

série de tv(39)

the sookie stackhouse companion(1)

universo sf(23)

todas as tags

Arquivos

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Sangue Fresco on Facebook

Visitantes: