Sábado, 25 de Setembro de 2010

João Almeida (sem título)

Não tinha a certeza do que estava a acontecer, mas de uma coisa eu estava certa, tudo não passava de um sonho, o meu sonho. Não me lembro da última vez que sonhei com qualquer coisa que fosse, pudera, com tudo o que tem acontecido nestes últimos meses! Resumindo em poucas palavras, apaixonei – me por um vampiro que no final se revelou um traidor. O nome dele? Bill Compton. Sempre achei Bill um nome muito vulgar para um vampiro, talvez Antoine ou até mesmo Langford, mas não, Bill Compton foi o único vampiro que alguma vez amei pelo menos era o que pensava.

No meu sonho apenas estava eu e Claudine uma fada que por acaso tende a aparecer nos meus sonhos. Claudine envergava um lindo vestido branco, que tornava a sua pele brilhante à luz que vinha do lago que estava bem no centro daquele lindo jardim onde nos encontrávamos. Claudine era uma fada e poucas pessoas o sabiam, pois ao contrário dos vampiros as fadas têm um aspecto muito semelhante aos humanos, sei isso muito bem pois afinal eu mesma sou uma fada.

Apesar de só eu e Claudine estarmos naquele jardim a distância que nos separava era imensa, e eu desejava tanto tocar naquela criatura maravilhosa:

- Sookie perdoa-me! – Gritava Claudine, de início não percebi o que me tentava dizer mas por fim acabar por perceber que pedia pelo perdão, não percebia porquê.

- Claudine, o que se passa? – Gritei de volta, desta vez ainda mais alto.

- Sookie por favor perdoa-me, não o devia ter feito – O seu rosto mostrava culpa, ressentimento, e constrangimento mas mesmo assim permanecia belo como sempre.

- Feito o quê? – Tenho de admitir, o meu coração acelerou pois não conseguia pensar em nada que tivesse de perdoar a Claudine, afinal ela era a minha única amiga que tinha.

- Sookie, querida, fui quem contou ao Bill a tua verdadeira identidade, fui eu quem lhe disse que tu eras uma de nós, perdoa-me por favor! – Claudine chorava, e apesar de nunca tê-la visto chorar, fiquei espantada por ver que as suas lágrimas eram dois fios de ouro que escorriam pela sua cara baixo.

- Claudine como e que pudeste fazer isto comigo? – Não sabia mais o que dizer nem o que fazer, sem Claudine estava completamente sozinha.

- Se o Bill não soubesse ele iria roubar a tua luz, teve de ser! – Dois fios de ouro persistiam em escorrer pela sua face abaixo – Por favor perdoa – me, peço-te, sabe que nós fadas não podemos viver com a culpa de magoar as nossas irmãs.

- Sem isso muito bem Claudine e é por isso que te dou o meu perdão, afinal o Bill é um traste que não me merece, e eu só quero ser feliz, ao lado das minhas irmãs fadas.

Claudine correu para junto de mim, meu Deus até as suas lágrimas eram perfeitas. Limpei-lhe a cara e beijei-lhe o rosto. Tudo era como dantes:

- Sookie, fico contente que me tenhas perdoado mas não posso viver com este sentimento de culpa para sempre, e por isso que tenho de te deixar!

Não queria acreditar no que tinha acabado de ouvir, Claudine não me podia fazer isso, mas infelizmente fê-lo quando entrou para dentro daquele lago e me deixou sozinha naquele jardim.

 

Este texto faz parte do passatempo Sangue Felino


publicado por sangue-fresco às 14:10
link do post | Dê a Sua Dentada | favorito
| | Partilhar
Email
Follow Me!

pesquisar neste blog

 

Últ. comentários

alguem pf tem o 13} em pdf e em port. eu preciso '...
Eu ainda vou a menos de meio dos livros e por isso...
canada goose image zen-o central park
Eu, simplesmente, deixei de criar expectativas com...
Quais são as vossas expectativas, pessoal do blogu...

Categorias

1 temporada(19)

1 vol. - sangue fresco(13)

10 vol. - segredos de sangue(7)

11 vol. - sangue ardente(3)

12 vol. - sangue impetuoso(2)

2 temporada(31)

2 vol. - dívida de sangue(13)

3 temporada(160)

3 vol. - clube de sangue(14)

4 temporada(154)

4 vol. - sangue oculto(17)

5 temporada(119)

5 vol. - sangue furtivo(6)

6 temporada(46)

6 vol. - traição de sangue(10)

7 temporada(25)

7 vol. - sangue felino(24)

8 vol. - laços de sangue(8)

9 vol. - sangue mortífero(6)

charlaine harris(91)

comic con 2009(4)

comic con 2010(6)

comic con 2011(3)

comic con 2012(6)

comic con 2013(1)

comic con 2014(2)

contos - um toque de sangue(4)

correio(7)

crónicas sf(10)

elenco(84)

fanart(31)

fanfic colaborativa(1)

fãs(83)

guia(2)

merchandising(7)

mini-episódios(13)

mov(6)

notícias(134)

opinião(31)

passatempo(62)

personagem(10)

prémios(8)

promoção(4)

rtp1(6)

s05e01(2)

sábado fangtástico(18)

série de tv(39)

the sookie stackhouse companion(1)

universo sf(23)

todas as tags

Arquivos

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Sangue Fresco on Facebook

Visitantes: